PlayStation 4 oficialmente anunciado, chega no fim do ano e acaba com polêmicas

ps4_holiday

Ontem, por volta das 22h (horário de Brasília), o aguardado evento da Sony teve início. Como já esperávamos, era realmente a apresentação do PlayStation 4.

A Sony passou detalhes técnicos do console, falou sobre como ele vai funcionar, novas funções da PSN e outras coisas mais. Infelizmente o grande personagem do evento não estava presente. A Sony não mostrou a cara do PS4, mas ao menos nos mostrou a versão oficial do novo controle. Então confira agora tudo que você precisa saber sobre o PlayStation 4.

Especificações Técnicas

A Sony avisou que o novo console foi construído do zero, sem se basear no antecessor. Ele terá:

  • Processador AMD “Jaguar” x86-64 de 8 núcleos
  • GPU AMD 1.84 Teraflops baseada na próxima geração da Radeon
  • HD interno (provavelmente com diferentes tamanhos)
  • Memória de 8GB GDDR5 com largura de banda de 176GB/s
  • Unidade óptica Blu-ray/DVD
  • Portas USB 3.0
  • Conexão Ethernet, Wi-Fi 802.11 b/g/n e Bluetooth 2.1(EDR)
  • Saídas HDMI, AV e saída óptica digital

A nova arquitetura combina a alta performance com a facilidade de desenvolvimento, algo que sempre foi um dos grandes problemas do PS3.

Um novo DualShock

Apesar do console não estar presente na apresentação, a Sony mostrou o novo controle, o DualShock 4, e ele é realmente parecido com o protótipo que havia vazado há alguns dias.

Este slideshow necessita de JavaScript.

No novo controle, os conhecidos botões direcionais, as duas alavancas analógicas (que ganharam um acabamento diferente que evita que seu dedo deslize para fora e uma melhora na sensibilidade, como ocorria no modelo anterior), e o bom e velho quarteto (quadrado, triângulo, círculo e X) continuam lá, além dos botões superiores L1, L2, R1, e R2.

Mas o controle também traz algumas novidades interessantes. Um novo botão chamado  “OPTIONS” absorveu os botões ‘Start” e “Select”. O já esperado botão “SHARE” também está presente, e permitirá que os jogadores compartilhem seus videos de gameplay, façam streaming de seus jogos ou compartilhem suas conquistas.
O controle também traz um touchpad na parte central, que “oferece aos jogadores maneiras completamente novas de jogar e interagir com os games”. Não foram dados muitos detalhes à respeito disso.

Outra novidade é a barra luminosa no topo do controle, que tem mais de uma função. A cor da barra varia, por exemplo, para combinar com a cor do seu personagem no jogo, funcionando como uma nova forma de identificar os jogadores. Ela também muda de cor de acordo com acontecimentos dos jogos, como por exemplo, para indicar quando o personagem está com pouca vida ou toma um dano muito alto.

O DS4 também terá alto-falante embutido, uma conexão para fone de ouvido, e poderá ser recarregado mesmo com o console em stand-by, usando um suporte dedicado para recarregar o controle, ou mesmo usando carregadores de smartphones via USB.

A nova câmera PlayStation 4 Eye

Quem tem/teve a antiga câmera sabe que ela era tudo, menos prática. A posição dela dependia diretamente da vontade do cabo, que era rígido e dificultava apontar a câmera para um ponto específico, principalmente quando a base da câmera já estava gasta e girava com facilidade.

Este slideshow necessita de JavaScript.

Bem, o novo modelo vai ser bem mais prático e bonito. Agora ela incorpora duas câmeras de alta sensibilidade com lentes com ângulo diagonal de visão de 85 graus, que pode reconhecer precisamente a profundidade do ambiente, o que permite que a câmera possa separar o jogador do fundo ou compreender a posição do jogador atrás ou à frente além de quatro microfones capazes de detectar a fonte que origina os sons.

Os jogadores poderão usar a câmera também para fazer login no console através de reconhecimento facial, e interagir com jogos através de movimentos ou comandos de voz. Essa última parte é particularmente interessante, já que “interagir com jogos através de movimentos ou comandos por voz” é basicamente o que o Kinect faz, o que pode sugerir que, mesmo com a câmera sendo compatível com o Move e detectando seus movimentos com mais precisão, o reconhecimento de movimentos e comandos de voz deverá naturalmente substituir o uso do Move aos poucos.

Ela também pode reconhecer a cor da barra luminosa do DualShock 4 e definir a posição de cada jogador, o que abre novas possibilidades. Ela pode, por exemplo, posicionar os personagens de acordo com a posição de cada jogador (bem útil), ou permitir que um personagem se dirija à um jogador especificamente.

O PS4 gosta das redes sociais

A interação do console com as redes sociais é um dos pontos principais do console, algo que foi pensado desde o início, no planejamento do hardware.

O console terá um sistema dedicado e sempre ativo de compressão e descompressão de vídeos, que funciona sem interferir no restante do sistema. O jogador vai apertar o botão “SHARE” no controle, e ter acesso aos últimos minutos de gameplay. Ele seleciona o que quer compartilhar, marca, e retorna ao jogo enquanto o upload acontece em background sem que o console perca desempenho. As imagens e vídeos podem ser compartilhados diretamente para as redes sociais, incluindo, é claro, o Facebook.

Também é possível fazer streaming, ou seja, transmitir ao vivo enquanto joga, através do Facebook, ou do Ustream. E o streaming não é apenas para assistir. Além de comentar enquanto você joga, seus amigos podem até entrar no seu jogo para ajudar caso você esteja com dificuldade em uma parte do game, por exemplo.

A Segunda Tela

Conceito da Segunda Tela [A imagem pertence ao site Engadget - clique na imagem para visitar o artigo]

Conceito da Segunda Tela [A imagem pertence ao site Engadget – clique na imagem para visitar o artigo]

O conteito de segunda tela já está presente no Wii U e seu controle com tela e também no Xbox Smartglass, aplicativo para Windows 8/RT/WP/Android/iOS, que permite que se use o smartphone ou tablet para auxiliar no jogo.

A Sony agora está incorporando isso ao PS4 de forma parecida com a abordagem da Microsoft. Um aplicativo para iOS e Android (até aqui nada sobre a plataforma Windows, o que é uma pena, porém algo previsível) chamado PlaStation App permitirá que o jogador use eu smartphone ou tablet para auxiliar durante seus jogos, como na visualização de um mapa ou estatísticas de uma partida, além de possibilitar que o jogador compre jogos do PS4 onde quer que ele esteja e iniciem o download remotamente, direto para o console que está em casa.

Um outro recurso, o Remote Play, também estará presente, aparentemente de forma mais completa do que a integração do PSP com o PS3, sendo um objetivo de longo prazo da Sony que a maioria dos jogos do PS4 possa ser jogada no Vita por Remote Play.

Jogatina Instantânea

[Imagem do site Engadget - Clique na imagem para o artigo original]

[Imagem do site Engadget – Clique na imagem para o artigo original]

Um dos alvos do PS4 é reduzir o máximo o tempo que o jogador perde entre ligar o console e começar a jogar. O PS4 traz uma espécie de “modo suspenso”, onde o console entra num estado de baixa energia, mantendo a sessão do jogador. Isso permite que quando o jogador retorne, ele simplesmente aperte o power e retome seu jogo instantaneamente, exatamente de onde ele parou.

O console também pretende atacar a espera pelo fim do download de forma bem interessante. Uma das formas é permitir que o console baixe os jogos ou até mesmo atualize os jogos mesmo em standby. Isso vai acabar com aquela chatice de ser obrigado a esperar que um jogo seja atualizado sem podermos fazer nada no console, como ocorre no PS3.
A outra forma é permitir que os jogadores comecem seus jogos antes do fim do download. Ao comprar um game, o PS4 vai baixar uma parte do jogo, o suficiente para permitir que o jogo seja iniciado. Então o jogador pode começar a jogar enquanto o restante do jogo é baixado em background. Nossa ansiedade agradece.

O PS4 te conhece

Hoje em dia o Google te conhece como ninguém. Ele sabe o que você busca na internet e te empurra anúncios relacionados ao que você busca e aos sites que você visita. O PS4 também vai conhecer você.

Direto da nova interface do console você poderá ver o que seus amigos compartilharam, como fotos, gameplay, também poderá ver recomendações de filmes, programas de TV ou games. Enquanto isso, o console vai aprendendo mais sobre você e suas preferências, podendo até mesmo prever qual será a sua próxima compra e deixar o jogo pronto para ser iniciado, antes mesmo de você clicar em “Comprar”.

Jogos na nuvem

gaikai_logo

No ano passado a Sony pagou uma boa grana pela rede de streaming de jogos Gaikai, e pretende usá-la. Além do conteúdo da PSN e seus serviços, a Sony vai integrar a rede de streaming à sua rede, adicionando novas funções. Os jogadores poderão, por exemplo, testar os jogos antes de comprá-los. Diferente das demos, que são versões reduzidas dos jogos, muitas vezes não incluindo coisas boas ou ruins da versão final, a nova forma vai permitir que o jogador experimente uma parte do jogo de verdade. Assim o jogador pode ver se gosta ou não do game e optar ou não pela compra.

Além disso, outro uso para a rede será para fazer streaming dos jogos das antigas gerações do console. A Sony planeja, à longo prazo, montar uma biblioteca virtual com títulos de PS1, PS2, PS3 e PlayStation Mobile, tudo disponível para ser jogado no PS4 via streaming.

Os Jogos

ps4_gdevs

Os jogos são importantes para o sucesso ou fracasso de um console. O PS4 já conta com as maiores empresas do mercado, o que é um ponto positivo. Activision, EA, Bethesda, Ubisoft, Capcom, Konami e Square Enix são apenas alguns dois muitos nomes da lista.

No evento, alguns jogos já foram revelados. Killzone Shadow Fall é um dos títulos anunciados, junto com o novo shooter da Bungie, Destiny; Diablo III, que também chegará ao PS3; um novo Final Fantasy (não seria diferente); Knack, um game dirigido por Mark Cerny, um dos envolvidos no desenvolvimento do PS4; Watch Dogs, da Ubisoft, e Driveclub. Exclusivos, como InFamous: Second Son e The Witness também foram citados. Além desses, um game em desenvolvimento da Capcom com o título (possivelmente provisório) de Deep Down e um projeto ainda sem nome da Media Molecule também foram mencionados. Confira abaixo um vídeo com alguns dos jogos citados, e um trailer de Killzone Shadow Fall:
(DICA: Assista na melhor resolução possível)


Concluindo…

A Sony apresentou informações muito interessantes sobre o console. Embora exista muita coisa que ainda possa surgir, afinal temos em torno de 9 meses para o lançamento do console, a Sony já mostrou que o console será uma plataforma com grande foco no compartilhamento. Ainda não da para dizer que a Sony vai retomar o primeiro lugar em vendas de consoles, afinal não sabemos muito sobre o novo Xbox, o que deve acontecer na E3.

Porém, ao menos duas dúvidas referentes ao PlayStation 4 foram sanadas:

  1. O PS4 NÃO TERÁ RETROCOMPATIBILIDADE, o que mostra que a Sony aprendeu com a cagada que deu no PS3.
  2. Shuhei Yoshida confirmou: O PlayStation 4 VAI RODAR JOGOS USADOS. Isso deve fazer com que as ações da GameStop voltem a subir um pouco.
Anúncios

, , , ,

  1. PS Vita não terá corte de preços fora do Japão « TechnoDOMINATOR!
  2. XDK do novo Xbox vazou e traz informações importantes sobre o console | TechnoDOMINATOR!
  3. Novo trailer (mais ou menos) de Watch_Dogs | TechnoDOMINATOR!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: